For my international friends

quinta-feira, 17 de abril de 2014

dia de adeus

Não estou mais conseguindo conciliar as coisas, até tenho vontade de vir mais aqui, mas sei que não vai dar mais muito tempo. Não consigo dar a atencao necessária ao pequeno que parece estar sentindo que algo não está como deveria, não tenho mais a menor paciência de cozinhar, ando recorrendo à comidas prontas, que eu detesto, mas que é o único jeito com a zona que está a vida e a cozinha nos últimos dias. Tá tudo meio encaixotado, meio largado por tudo, não conseguimos nos livrar das coisas que temos, nem de graça o pessoal está querendo, ainda tem que pintar o apartamento, e não compramos nem as tintas ainda... tá difícil aqui... Tenho chorado horrores e não sei o que vai ser daqui pra frente. Essa incerteza toda está me mantando,  estar saindo daqui pra ir pra lugar nenhum piora ainda mais as coisas, ficar morando de favor na casa dos outros, fazendo ponte aérea entre as casas dos pais não é nada animador, é inclusive desesperador...

Enfim... Está chegando o dia de deixar a Alemanha. Dia muito triste pra mim, apesar de rever família e amigos, vai ser duro deixar isso aqui, essa vida que criamos com tanto carinho e que nos trouxe tantas coisas boas. vamos na esperança de um dia voltar, e em definitivo, se Deus assim quiser.

Assim se encerra um ciclo, e com esse ciclo também se encerra esse blog, não acho que faça sentido continuá-lo. Fiz deliciosas amizades por aqui, então penso seriamente em abrir outro blog pra gente continuar se lendo, ainda não sei... Não sei como vão ser as coisas daqui pra frente.

Agradeço a companhia do todos até aqui e peço que quem quiser saber notícias, deixe seu e-mail nos comentários (eles não serão publicados tá, não se preocupem!!), que caso eu abra outro blog deixo um aviso pra quem tiver interesse de continuar lendo minhas baboseiras.

Beijos e, quem sabe, até logo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conte-me o seu segredo...