For my international friends

terça-feira, 23 de abril de 2013

Para adoçar

Só pra desejar à vocês uma doce semana, já que não sei quando/se terei pique pra escrever algum post com calma. Logo pretendo voltar conm novidades!! beijokas

Käsekuchen mit selbstgemachtem Erdbeergelee
Bolo de queijo com geléia de nmorangos feita por mim

quinta-feira, 18 de abril de 2013

rosa X azul

Quem já passou pela fase de ter filhos sabe que a primeira pergunta que normalmente fazem é se já se sabe se é menino ou menina. Muitas vezes mesmo antes de querer saber se está tudo bem com o bebê (ou com a mãe, porque né, quem se interessa pela mãe ainda depois da notícia de um bebê?) é se o casal já sabe o sexo. Antes de engravidar eu já me enervava um pouco com essa "cobrança", especialmente ao reparar em como as lojas estão divididas em coisas pra menino e coisas pra menina. Sempre sofri pra escolher presentes neutros pros bebês de pessoas conhecidas. Agora então estou sentindo na pele a maldição do rosa e azul! Gente, será que menina só pode usar rosa? Será que menino só pode usar azul?? Da onde veio essa neura toda???

Eu antes nunca tinha parado pra pensar se queria ou não saber o sexo do meu bebê, meu marido que sempre dizia que não queria saber o sexo antes do nascimento e aos poucos fui aderindo à idéia. E não é que é uma idéia legal?! Acho que nesse quesito eu sempre fui meio que com a maré, nunca tinha realmente parado pra pensar a respeito (e olha que eu sou uma pessoa que odeia ser levada pela maré). Agora que realmente chegou a minha vez, está mais que decidido que não saberemos o sexo antes do bebê vir ao mundo!! E não me importo nem um pouco com isso. Pelo contrário, dá até uma satisfação quando as pessoas fazem caras de aversão ou dão indiretas de que fica difícil de dar presente sem saber o sexo. Só queria saber qual a dificuldade... ahh deve ser por causa da estúpida indústria bebesística que decidiu que bebês meninos devem usar azul e motivos de carrinho e meninas devem usar rosa e motivos de florzinha! Como é que pode que não exista mais opções de cores pra roupas de bebê??? Gente, é absurda essa divisão. Eu quero que meus filhos usem roupas coloridas, da cor que for, com motivos variados, porque uma roupa azul não pode ter uma flor?? Porque uma roupa rosa não pode ter um carrinho ou um trator??? Estou penando pra encontrar roupinhas bonitas que sejam neutras e coloridas, é tudo dividido... é um saco! Eu quero roupas azuis, vermelhas, verdes, amarelas, roxas... porque criança deveria usar roupas divertidas, independente de ser menino ou menina... Quando é que as pessoas vão dar valor ao que realmente importa nessa vida?! A vida de um novo ser que chega ao mundo, independente de ser menino ou menina!

sábado, 13 de abril de 2013

Meu primeiro Quilt

No natal de 2011 ganhei da minha mãe um livro sobre Quilts (por favor não confundam com aquelas saias escocesas, sei que o nome é o mesmo, mas aqui me refiro àquelas colchas cheias de retalhos formando estampas e desenhos diferentes). Desde lá ensaiei fazer o meu primeiro. Obviamente por ser principiante escolhi o mais básico e olha que já deu uma trabalheira... Mas o resultado compensou, agora temos uma nova colcha pra nos cobrir enquanto assistimos nossos seriados à noite.

A colcha já está pronta desde dezembro, mas só hj tive pique de tirar uma foto do resultado final e mostrar aqui. No começo até tentei tirar fotos de todos os passos, mas com o tempo fui perdendo a paciência.  Deixo com vocês os resultados!

O livro e os tecidos escolhidos
Separando pra não se perder
Começando os cortes
Decidindo a ordem
As primeiras costuras
A parte de cima prontinha
J
Juntando a parte de cima como recheio e a parte de baixo
Costurando tudo junto
Quanto tecido...
Quiltando...
O resultado da quiltacao. Agora só falta colocar a borda.
Meu primeiro Quilt pronto!!

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Resumex

E aí?! Como vão vocês?!

Não tem jeito minha gente, tenho muitas idéias de posts quando estou fazendo coisas por aí, mas é sentar a bunda em frente ao computador puff, tudo se vai... alguém mais sofre desse mesmo mal? Pois é...
Schloss Ludwigslust
Por aqui as coisas estão bem. Os enjoos do primeiro trimestre passaram, só ficou a azia que incomoda quase todo dia e a cabeça que resolveu doer na média de uma vez por semana... Tivemos contratempo com o seguro saúde que resolveu não renovar o meu contrato, aí foi um deus nos acuda procurar uma seguradora que nos aceitasse, mas agora a princípio já estamos segurados novamente. E fica a dica, vocês estudantes estrangeiros que querem um seguro na Alemanha, fujam da Mawista!!! Especialmente se resolver engravidar no meio do caminho porque eles simplesmente não vão renovar seu plano simplesmente porque você está dando muito gasto à eles!! Bando de idiotas (desculpem os modos, mas é revoltante!). E façam propaganda negativa mesmo se conhecerem gente que tem ou que quer fazer seguro com eles, sao todos um bando de interesseiros!!!
Schloss Cele
Pra Páscoa meus sogros estiveram por aqui, fizemos passeios de um dia por lugares aqui por perto. E apesar de todo estresse que visita sempre traz consigo, em especial não sendo gente próxima da gente, foi tranquilo. Obviamente descobri que não tenho mais o fôlego de antes da gravidez, o que me deixa meio frustrada porque adorava caminhar por aí pra conhecer coisas novas, nem mesmo fotos decentes tirei, o Lukas é que tirou as fotos dessa vez. Claro que muito foi culpa do tempo nublado e da neve. 
Schloss Agathenburg
Por agora estamos voltando ao ritmo mais normal de novo. Com o Lukas trabalhando /estudando bastante nessa reta final de doutorado. Eu tenho idéias de artesanato que quero fazer em especial pro bebê mas ainda não botei a mão na massa não. Estou terminando um projeto que tinha começado já antes de saber da gravidez e que obviamente foi adaptado e agora será do bebê (mostro assim que terminar). Minha mãe já se empolgou horrores comprando roupinhas por bebê também, falei hoje mesmo por Lukas que precisamos dar um pulo no IKEA pra comprar uma caixa pra ir guardando todas as coisas porque no armário onde as coisas estavam se acumulando não vai caber mais muita coisa. Ontem também visitamos dois Flohmarkt  (Mercado de pulgas-onde se vendem coisas usadas) exclusivos com coisas de crianças e  compramos umas coisinhas, em especial livrinhos. Gente, sou fascinada por livros infantis, especialmente os em alemao! Talvez porque muitos me lembram os que eu tinha na infância... E a nossa meta é voltar com um bom estoque de livros em alemão pro Brasil, mesmo que nosso bebê não vá ler assim tao cedo, mas nós pais já desde sempre vamos ler livros em alemão pra ele/a, pra pelo menos acostumar o ouvido e afinal vai ser alemão né, tem que saber pelo menos o básico do básico, acho o fim gente que tem filhos com cidadania de não sei onde e o filho não conhece/não fala nada da língua do país!
Brunch de Páscoa
Bom, por hoje é isso. Resumex do que andou acontecendo nos últimos dias. Quem sabe daqui pra frente a primavera se aproxime cada vez mais e eu me anime também mais pra sair e (re)começar a tirar fotos, aí o blog vai voltar a ficar mais ativo e bonito!!

Boa semana pra vocês!!