For my international friends

sábado, 10 de março de 2012

Museus do Hofburg - minhas impressoes

Continuando de onde parei ontem...

Na parte da tarde do nosso terceiro dia em Wien, resolvemos visitar os museus do Hofburg, mais especificamente Kaiserappartementes/Sissi Museum/ Silberkammer que são três museus em um. Sim, isso mesmo, você entra em um e vai sendo levado até o fim do outro. Não tem muito como escolher por qual começar, é meio obrigatório o seguir numa certa ordem, mas ainda assim são três museus com enfoques totalmente diferentes.

Traduzi a introducao que o site oficial desses museus do Hofburg diz:
   Até 1918, o complexo do Hofburg no coração de Wien, foi o centro político da monarquia, e hoje tem a mesma função para a república da Áustria. Onde uma vez o Imperador Joseph II elaborou o seu programa revolucionário, onde o Congresso de Wien se reunia e dançava, onde o imperador Franz Joseph realizou audiências, agora trabalham o presidente, o chanceler e os ministros da República Austríaca. Numerosas instituições culturais – desde a Spanische Hofreitschule (Escola de Equitação Espanhola) até a Biblioteca Nacional da Áustria - estão neste complexo extravagante e assimétrico com seus 19 Höfen (plural de Hof, que é tipo uma área livre entre construcoes, que não faço idéia de como poderia traduzir pro português) e 18 asas (no sentido de construções, não tem nada a ver com partes de animais aqui).
   Especialmente para pessoas interessadas nos longos anos de história dos Habsburgos, o Hofburg é um destino mais que atraente. A Silberkammer exibe uma magnífica coleção de prata e serviços de jantar, incluindo uma bandeja que poderia vir a ter 30 metros de comprimento e requintados jogos de toalhas de mesa, exibindo o esplendor e o luxo de um jantar na era imperial.
   Um retrato complexo da imperatriz Elisabeth é apresentado aos visitantes no Sisi Museum. Inúmeras exposições, às vezes muito pessoais, fornecem uma visão fascinante sobre o mundo oficial e o privado da monarca.
   Com a visita ao Kaiserappartements (aposentos reais) os visitantes têm uma idéia da vida do casal mais famoso da Áustria real. As 19 salas de trabalho/vida e recepção do imperador Franz Joseph e sua esposa Sissi mantêm-se historicamente autênticos - e relativamente modestos na sua forma a aparência, um delicioso contraste com o esplendor opulento, como a que se vê no palácio de verão de Schönbrunn.

E agora vem as minhas impressões e dicas. O preço desse combo é mais barato do que o museu do Schönbrunn, mas tem a desvantagem que nesse não tem onde guardar as bolsas ou qualquer outra coisa que você esteja carregando. E ainda assim não pode tirar tirar fotos, então, recomendo mesmo deixar o máximo de peso em casa/hotel, porque incomoda, e cansa bem mais do que quando você não está carregando nada. E pode não parecer nada, só uma máquina fotográfica, mas pode te incomodar um monte quando tem um zilhao de outras pessoas passando por você, ter espremendo pelos cantos e tal. Esse museu estava mais cheio que o anterior, ou foi essa impressão que eu tive, talvez porque os corredores por onde a gente anda são mais estreitos. Aqui o áudio-guide também é incluso no preço da entrada e aqui também o preço varia de acordo com idade, combinacao de tickets, descontos e afins, é bom olhar antes qual  melhor se ajusta. 

O Silberkammer eu achei bem interessante, tem acessórios de cozinha muito dos antigos e umas coisas muito curiosas e bonitas. Mais adiantes vai mostrando os jogos de loucas que serviam os nobres nas mais diferentes épocas nas mais diferentes ocasiões. É louca que não acaba mais, tem muuuuuuita coisa mesmo, é difícil ver os detalhes de tudo... O áudio-guide ajuda bastante, mas às vezes fica meio comprida a explicacao também. Mas vale a pena!!
prataria
fonte: 
www.hermagor.cc 

O Sissi Museum é um museu dedicado só à essa Elisabeth, que virou meio que mártir depois que morreu assassinada por um italiano doido. Assim, o povo faz uma onda com essa mulher que eu não entendi bem porque. Tá, pode ser só por causa do filme, que eu por sinal nunca vi, ou não sei... Porque quando ela era viva o povo nem gostava dela, e nem ela do marido com quem ela casou. Tudo bem eu entendo, naquela época era tudo arranjado e eu também concordo com alguns pontos de vista dela, de ser contra toda aquela demonstracao de luxo e tal, mas ainda assim não entendo porque tem um museu só pra ela... sei lá... sem contar que em cada sala do Museu Sissi você tem pelo menos uns 10 números pra colocar no áudio-guide pra ouvir, e muitas coisas são repetidas ou então poesias que a indivídua escreveu, que resumindo dizem: "eu quero ser um pássaro livre!" Desculpa aí quem é fã da mulher, mas eu achei um saco aquilo tudo... tá, o museu é interessante pelos objetos e tal, tem réplicas dos vestidos e do quarto de beleza da moca, mas é isso, não precisava ter mil e um números no áudio-guide com leitura dos textos dela! Pronto, falei!
réplica de um dos vestidos da Sissi
fonte: www.werbeka.com/wien/wien3/sisimusd.htm
Na parte que  chegamos no Kaiserappartments eu já não me aguentava mais em pé. Sorte que ali de novo tinham umas cadeiras espalhadas onde a gente podia sentar! O básico dessa parte é bem parecida com o que a gente já tinha visto no Schönbrunn: tem a área de trabalho e o quarto do Franz Joseph, o quarto e banheiro da Sissi, sala de jantar e coisa e tal. Provavelmente por causa do cansaço não me pareceu lá grande coisa e é também bem mais curto do que o do Schönbrunn, mas nem por isso menos interessante. Dá pra fazer um tour virtual aqui.
o banheiro
fonte:
 www.hofburg-wien.at/
o quarto do Franz Joseph
fonte: www.hofburg-wien.at

Bom, e foi isso que a gente fez nesse dia, nos matamos de visitar museus. Posso dizer que valeu muito à pena, tanto as pernas e costas quebradas e tanto ficar em pé, quanto o valor das entradas dos museus! Eu recomendo mesmo pra quem planeja um dia visitar Wien, e pra quem já foi de novo claro. Dos outros museus nao tem como eu falar porque nao visitei, mas com certeza a cidade tem muitos mais pra oferecer!!

Um comentário:

  1. Resgatados do Disqus:

    - oi babi! passeio em museu cansa MESMO... é interessante, porém cansativo! Menina que quarto rosa pra época né?? beijos - Ana gaspar

    - Pois é Ana, cansa pra caramba, a gente só percebe quando termina de tao entretido que a gente fica lá dentro.
    Quanto à cor do quarto, acho que naquela época era tudo meio coloridao mesmo, pra chamar atencao... hahahha - babisenberg

    ResponderExcluir

Conte-me o seu segredo...