Pular para o conteúdo principal

sobre nada - neve, bolachas, Dom

Ultimamente a inspiração me tem faltado um bocado, vou acabar colocando só algumas fotos mesmo...
A neve já foi e já voltou de novo; a temperatura já subiu do zero, mas desde ontem está abaixo de novo;
a vista do quarto
nossos pinheiros
Quarta-feira passada visitamos pela primeira vez um grupo de estudo da igreja que estamos frequentando, que se reúne aqui perto de casa, foi bem interessante, tinha gente de tudo que é canto do mundo, acho que vai ser bem bom apesar do nó na cabeça porque é em inglês; quinta o Lukas fez brownie prá mim, não deu lá muito certo, mas ficou ótimo;

Na sexta foi dia de fazer as primeiras bolachas de natal, prá começar a entrar no clima, já que aqui não tem calor, piscina,  férias e família prá parecer natal como a gente está acostumado;
assim estava lá fora
eu
obviamente o Lukas ajudou também
No sábado decidimos ir visitar o parque de diversões que está na cidade, ele acontece umas 3 a 4 vezes por ano e esse era o último final de semana da edição de inverno, convidamos os vizinhos e fomos lá conferir... andamos na roda gigante, comemos algodão doce e congelamos os pés porque o vento estava hiper gelado, mas foi super divertido!!
Lucas e Fernanda na roda gigante
nós na roda gigante
Lucas e Fernanda comendo maçã do amor
a roda gigante
algodão doce
Naquele mesmo dia ainda fomos ao Weihnachtsmarkt encontrar um amigo do Lucas e da Fernanda e acabamos tomando nosso primeiro Glühwein e assim começamos nossa coleção de canequinhas, vamos ver quantas a gente consegue juntar esse ano...
No domingo, foi o segundo domingo de advento, mais uma vez café da manhã com as velas da coroa acessas...
mesa do café da manhã
bolo e bolachinhas made at home
E já na segunda foi o dia do Nikolaus... esquecemos de colocar os sapatos, mas o Lukas providenciou uma meia furada prá pendurar na porta... as guloseimas já havíamos comprado no dia anterior...
nossa meia
Adventskalender

Comentários

  1. Onkel Fred
    Enviado em 15/12/2010 as 2:05
    Olá meus queridos malucos, Babi e Lukas! Andar na roda gigante com este frio me parece coisa de loucos… Mas que legal que voces estão se curtindo e se divertindo e até criando um perfeito clima de Natal… Não conhecia os vossos dotes culinários, estou até sentindo o cheirinho dos biscoitos assando… me deu uma vontade de experimentar… parecem deliciosos… voltando ao cheirinho, aquela meia, pfui! estou sentindo aqui. Parabens Babi, a tua coroa ficou muito linda, tenham um abençoado tempo de advento!
    Um forte e caloroso abraço a vocês dois e até mais…
    Onkel Fred

    lukas
    Enviado em 09/12/2010 as 9:40
    muito legal!!

    adorei as fotos e o jeitao solto do post… assim que eu gosto… hehehe loucuras sem nexo uma atras da outra na tela do computador

    parece mesdmo que estamos batendo um papinho…
    bjos
    te amo

    ps: minha cara esta horrivel na foto das bolachas… parece que sai de uma instituicao psiquiatrica…

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Conte-me o seu segredo...

Postagens mais visitadas deste blog

torta alemã

Alguém sabe me dizer a origem da chamada torta alemã? Porque aqui na Alemanha mesmo, nunca vi nenhuma torta desse tipo como a que conhecemos no Brasil... 
Dei uma pesquisada no google, mas não tive muitas respostas não. As duas versões que me fizeram mais sentido foram: 1- que uma descendente de alemães lá em Santa Catarina ficou com saudades das tortas da sua terra natal e adaptou uma torta com os ingredientes encontrados ali; 2- que seria uma versão do conhecido Kalter Hund, que a torta alemã teria em diferente um creme de manteiga e creme de leite ao invés do chocolate como recheio. E aí, alguém tem palpites?? Ou já viu uma torta alemã na Alemanha??

A diferença entre Quark e ricota

Quando tínhamos ainda vacas na fazenda, lembro que a mami fazia a tal chamada ricota pelos brasileiros, mas a gente lá em casa sempre chamou de "quark"... beleza, depois que vc tem que procurar o negócio no mercado se acostuma com o nome ricota, que todo mundo diz que é o do tal negócio... E é uma coisa que eu gosto muito de comer... Um tempo atrás decidi que queria comer panquecas, e prá mim a melhor delas é a recheada com ricota! Vamos então no mercado comprar "quark" que é prá ser o mesmo que a chamada ricota no Brasil... Mas não é a mesma coisa não!!! Primeiro a consistência é bem diferente, o quark é bem mais macio que a ricota, e também bem mais azedo... A ricota brasileira é meio esfarelenta, mais seca, o quark é um creme, uma pasta bem fácil de passar no pão por exemplo. Foi então pesquisar na internet, prá descobrir então se por acaso não existia uma diferença entre eles, já que eram tão diferentes... achei que a principio fosse só uma diferença de nomenc…

Odeio ser chamada de tia

Cresci em família de descendência alemã, pra mim sempre foi super normal chamar meus tios e tias de Onkel e Tante, até hoje não consigo me referir à eles sem esse pronome (se é que o nome é esse mesmo, mas vocês entendem o que eu quero dizer). Pra mim tia era o  nome pelo qual as minhas amigas chamavam a minha mãe e a mãe de todos os amiguinhos da escola. No Brasil isso é super normal, pelo menos lá onde eu cresci. É meio que costume chamar pessoas mais velhas de tio ou tia, um sinal de respeito. Então pra mim, esse negócio de tia sempre pega por esse lado. Meu maior terror quando voltar aos Brasil é voltar a ser chamada de tia (me arrepio só de pensar). Pra piorar sobrinhos do marido foram ensinados a me chamar de tia, já sentiram a minha reação né?!  arrepios... É ainda pior quando adultos se referem a mim com esse “pronome”, ui, mais arrepios... Por isso meus filhos vão chamar seus tios de sangue de Tante e Onkel, assim como os avó são Opa e Oma. Gente, não consigo me referir a par…