Pular para o conteúdo principal

Dormindo no aeroporto

Agora são exatamente 01:46h da manhã do dia 27 de dezembro de 2010 e estamos, Lukas e eu, sem sapatos, lendo jornal e revistas, aproveitando os confortáveis bancos do aeroporto de Hamburg... Porque?, vocês se perguntam... Deveríamos é estar em casa, na nossa cama quentinha, descansando do dia agitado de ontem... mas infelizmente, devido a fatores externos, estamos nós aqui até sair o próximo trem em direção ao centro da cidade, ou seja, o único daqui do aeroporto...

  Nós passamos o natal na Suíça (maiores informações em breve..., ou não), e voltamos hoje de lá, mas como Murphy é nosso amigo, obviamente o vôo atrasou... Passamos por todos os procedimentos básicos de embarque antes que nos avisassem do ocorrido... O mais legal é que ninguém informa nada direito nessas horas... nosso avião deveria sair de Zurich (Zurique para os brasileiros) às 21:15h, mas só às 21:30 é que nos avisaram que o avião não tinha nem saído de Hamburg... super legal né, e nós lá, imaginando as diversas possibilidades: será que vão cancelar o vôo? A gente vai ser levado prum hotel? Vão mandar a galera de trem? Será que a gente chega antes do último trem sair?? E nosso maior problema era mesmo o fato de não ter trem a noite toda... ligamos pro vizinho, torcendo que ele já tivesse alugado o carro que ele iria alugar esta semana, mas infelizmente a resposta foi negativa... pedimos então para ele verificar pra gente o horário do último trem saindo do aeroporto que nos levasse até em casa... resposta: 00:13h, seria muito apertado conseguir, dependendo ainda do horário de saída do avião... quando as próximas informações chegaram, o vôo foi remarcado pras 23:15h... sem chances de chegar a tempo... Nada de ônibus também, com as conexões necessárias... táxi é muito caro... solucão?? dormir no aeroporto até a saída do primeiro trem!!! Êêêê beleza... mas liga o botão de aventura e vamos lá!! Agora estamos aqui, acompanhados de mais algumas pessoas dormindo pelos bancos, com o aeroporto praticamente vazio... me sinto como naquele filme “O Terminal”, por enquanto tá divertido... O Lukas foi olhar o horário do primeiro trem e é às 04:33h então ainda temos muito pra esperar... eu já fui buscar água na torneira do banheiro, aproveitando um pote vazio que estamos trazendo de volta... E o jeito vai ser fazer uma caminha aqui nos bancos mesmo e tirar um cochilo...
   A culpa eles põem no tempo, o tempo é sempre culpado de tudo... muito engraçado isso... parece que nevou bastante por aqui enquanto estivemos fora, parece também que o aeroporto aqui de Hamburg ficou fechado parte do dia, mas até onde essas informações procedem, daí são outros quinhentos... mas enfim.. lá fora está tudo branquinho, com temperatura de -6°C e nos faltam mais umas 3 horas até estarmos em casa, quentinhos dormindo na nossa cama!!!

Comentários

  1. lukasgg
    Enviado em 01/01/2011 as 10:09
    eh… altas aventuras!!!
    até que não foi assim tão ruim… só ficar meio zonzo o dia seguinte pela falta de cama é que não é lá muito agradável… mas cá estou eu, sem ter dormido o suficiente denovo, mas sem conseguir dormir direito… viva o ano novo!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Conte-me o seu segredo...

Postagens mais visitadas deste blog

torta alemã

Alguém sabe me dizer a origem da chamada torta alemã? Porque aqui na Alemanha mesmo, nunca vi nenhuma torta desse tipo como a que conhecemos no Brasil... 
Dei uma pesquisada no google, mas não tive muitas respostas não. As duas versões que me fizeram mais sentido foram: 1- que uma descendente de alemães lá em Santa Catarina ficou com saudades das tortas da sua terra natal e adaptou uma torta com os ingredientes encontrados ali; 2- que seria uma versão do conhecido Kalter Hund, que a torta alemã teria em diferente um creme de manteiga e creme de leite ao invés do chocolate como recheio. E aí, alguém tem palpites?? Ou já viu uma torta alemã na Alemanha??

A diferença entre Quark e ricota

Quando tínhamos ainda vacas na fazenda, lembro que a mami fazia a tal chamada ricota pelos brasileiros, mas a gente lá em casa sempre chamou de "quark"... beleza, depois que vc tem que procurar o negócio no mercado se acostuma com o nome ricota, que todo mundo diz que é o do tal negócio... E é uma coisa que eu gosto muito de comer... Um tempo atrás decidi que queria comer panquecas, e prá mim a melhor delas é a recheada com ricota! Vamos então no mercado comprar "quark" que é prá ser o mesmo que a chamada ricota no Brasil... Mas não é a mesma coisa não!!! Primeiro a consistência é bem diferente, o quark é bem mais macio que a ricota, e também bem mais azedo... A ricota brasileira é meio esfarelenta, mais seca, o quark é um creme, uma pasta bem fácil de passar no pão por exemplo. Foi então pesquisar na internet, prá descobrir então se por acaso não existia uma diferença entre eles, já que eram tão diferentes... achei que a principio fosse só uma diferença de nomenc…

Odeio ser chamada de tia

Cresci em família de descendência alemã, pra mim sempre foi super normal chamar meus tios e tias de Onkel e Tante, até hoje não consigo me referir à eles sem esse pronome (se é que o nome é esse mesmo, mas vocês entendem o que eu quero dizer). Pra mim tia era o  nome pelo qual as minhas amigas chamavam a minha mãe e a mãe de todos os amiguinhos da escola. No Brasil isso é super normal, pelo menos lá onde eu cresci. É meio que costume chamar pessoas mais velhas de tio ou tia, um sinal de respeito. Então pra mim, esse negócio de tia sempre pega por esse lado. Meu maior terror quando voltar aos Brasil é voltar a ser chamada de tia (me arrepio só de pensar). Pra piorar sobrinhos do marido foram ensinados a me chamar de tia, já sentiram a minha reação né?!  arrepios... É ainda pior quando adultos se referem a mim com esse “pronome”, ui, mais arrepios... Por isso meus filhos vão chamar seus tios de sangue de Tante e Onkel, assim como os avó são Opa e Oma. Gente, não consigo me referir a par…